Portal ENSP - Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca Portal FIOCRUZ - Fundação Oswaldo Cruz

CECOVISA

Início

Testes rápidos de zika estão parados há nove meses em Pernambuco

Estado e Ministério da Saúde trocam acusações para justificar a não realização dos exames que chegaram em janeiro

Nove meses. Este é o tempo que os testes rápidos para detecção do zika em grávidas estão parados no Estado. Os produtos foram distribuídos pelo Ministério da Saúde (MS) em janeiro e já poderiam estar sendo realizados em grávidas com suspeita da infecção pelo vírus. Uma sucessão de informações truncadas por parte do MS e da Secretaria Estadual de Saúde (SES) não dão segurança sobre quando, finalmente, os exames podem começar a ser feitos.

Entidades e representantes do Poder Público ajudam a definir prioridades da Subcomissão de Doenças Raras

A subcomissão de Doenças Raras colheu nesta terça-feira (12) opiniões de representantes do Ministério da Saúde, da Defensoria Pública da União (DPU), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), da indústria farmacêutica e de entidades de apoio a pacientes. O objetivo da reunião foi definir as prioridades de debates do colegiado, criado na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

 

Saúde anuncia recursos para estímulo precoce e avaliação de crianças com zika

O Ministério da Saúde anunciou investimento de R$ 26,8 milhões em duas ações para o acompanhamento e o estímulo precoce de bebês com Síndrome Congênita do Zika, cuja malformação mais conhecida é a microcefalia. O anúncio foi feito nesta terça-feira (12), no Recife, pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros.

 

Quase 2 anos após declaração de emergência, atendimento a crianças com malformações por causa do zika traz desafios para famílias

Relatos de falta de vagas, deslocamentos excessivos, acesso restrito a especialistas. G1 investigou como está o tratamento de bebês com anomalias provocadas pelo zika e encontrou falhas, mas também boas experiências, como uma nova clínica especializada em PE.

Pesquisadores da UFC trabalham para desenvolvimento de teste rápido do zika vírus

Hoje, a pesquisa está em fase de testes. O desenvolvimento do kit ainda deverá levar mais um ano até que seja lançado

Um kit rápido capaz de detectar o zika vírus horas após o teste está sendo desenvolvido por pesquisadores do Laboratório de Processos de Separação e Cromatografia (LAPS&C), do Departamento de Engenharia Química da Universidade Federal do Ceará (UFC). A solução é estudada em parceria com grupos da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). As informações são da Agência UFC.

 

Curso Filmes na Visa

Boletim Digital

Receba nossas últimas notícias

entrevista

Em entrevista para o Cecovisa/Ensp a professora Márcia Aparecida Ribeiro de Carvalho falou sobre os principais avanços e desafios da graduação em saúde coletiva da UFRJ. Ela apontou que "O maior desafio atualmente é a institucionalização e operacionalização das atividades de extensão e disseminação dos conhecimentos acadêmicos para a comunidade externa à universidade com aplicação desses conhecimentos no seu cotidiano..."
Leia Mais